Announcement
Announcement

Grupo investigativo dos “Papéis do Panamá” está entre os beneficiados pelos investimentos de US$ 100 milhões da Omidyar Network para reduzir o déficit de confiança

April 5, 2017

A empresa filantrópica de investimentos Omidyar Network intensifica o apoio à mídia independente para combater a divulgação de informações falsas e a proliferação de discursos de ódio, além de estimular o engajamento dos cidadãos com os governos

OXFORD, Reino Unido (5 de abril de 2017) -- A Omidyar Network, empresa filantrópica de investimentos criada pelo, fundador do eBay, Pierre Omidyar, anunciou hoje no Fórum Mundial Skoll o compromisso de investir US$ 100 milhões para enfrentar algumas das causas do déficit de confiança global. O investimento será feito ao longo dos próximos três anos, com o objetivo de fortalecer a mídia independente e o jornalismo investigativo, combater a divulgação de informações falsas e a proliferação de discursos de ódio, e incentivar um maior engajamento de cidadãos com os governos em questões críticais. O investimento apoiará iniciativas no mundo todo.

O Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos, grupo responsável pela investigação dos “Papéis do Panamá”, no ano passado, será um dos primeiros beneficiados da iniciativa. O grupo receberá fundos de até US$ 4,5 milhões durante três anos para expandir suas reportagens investigativas.

“Em todo o mundo, observamos o preocupante ressurgimento de políticas autoritárias que estão abalando os avanços em direção a uma sociedade mais aberta e inclusiva”, afirmou Matt Bannick, Managing Partner da Omidyar Network. Segundo o executivo, “a falta de receptividade governamental e a crescente desconfiança nas instituições, sobretudo na mídia, estão corroendo a confiança. Cada vez mais, os fatos são menosprezados, as informações falsas são disseminadas, a responsabilidade é ignorada, e os canais pelos quais os cidadãos se manifestam estão sendo interrompidos. Estas tendências não podem virar regra, e precisamos proteger os princípios da transparência, da participação e da responsabilidade. Estas são as bases de uma sociedade democrática saudável”.

Eventos recentes, tais como o desligamento do Reino Unido da União Europeia, a eleição presidencial nos Estados Unidos e os níveis atuais de corrupção no mundocorroeram a confiança do público nas instituições, nos especialistas e nos meios de comunicação. O ambiente da desinformação, dos “fatos alternativos” e da “pós-verdade” causou graves danos. O Barômetro de Confiança Edelman de 2017 revelou que dois terços dos 28 países pesquisados são agora “descrentes”, o que significa que menos de 50% dos entrevistados de um determinado país acreditam na atuação correta de instituições empresariais, governamentais, da mídia ou ONGs. Além disso, a Edelman apontou que a confiança na mídia diminuiu acentuadamente, com veículos de mídia como alvo de desconfiança em 82% dos países.

Ao longo dos últimos dez anos, a Omidyar Network tem apoiado a mídia independente, o jornalismo investigativo e as empresas de verificação de informações em todo o mundo. Entre os grupos que receberam  investimentos estão o vencedor do prêmio Emmy Insight TWI: The World Investigate,  o Innovate Africa, que se dedica a melhorar a qualidade e o impacto do jornalismo na África; e o Chequeado, o primeiro site de verificação de  fatos da América Latina.

Stephen King, parceiro e líder global da Iniciativa de Governança e Engajamento do Cidadão da Omidyar Network, acrescentou: “A mídia livre e independente é vital para garantir informações confiáveis e análises críticas sobre aqueles que ocupam posições de poder. Estamos aumentando nosso apoio a esse trabalho para garantir o crescimento e o avanço do processono mesmo ritmo dos desafios que a sociedade vem enfrentando. Estamos, portanto, muito felizes em poder oferecer ao Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos um fundo de US$ 4,5 milhões. O investimento permitirá à organização ampliar suas investigações e revelar ainda mais casos de abuso de poder e de corrupção  que corroem os níveis de confiança”.

Gerard Ryle, diretor do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos, comentou: “Em uma época em que autocratas, demagogos, criminosos, empresários de caráter duvidoso e outros personagens questionáveis visam enriquecer e aumentar o poder às custas da sociedade, é mais importante do que nunca que os jornalistas atuem independentemente, como os olhos e ouvidos do mundo, revelando casos de corrupção e outras transgressões. Cada vez mais, esse tipo de trabalho vital só é possível graças ao setor sem fins lucrativos. O apoio de organizações  como a Omidyar Network nos permite continuar a realizar projetos investigativos inovadores e apartidários que geram um impacto real e mensurável em comunidades em todo o mundo”.

As primeiras organizações e iniciativas a serem beneficiadas pelos fundos da Omidyar Network estão listadas abaixo. Mais investimentos e  fundos serão anunciados nas próximas semanas.

  • Aliança Latino-americana para a Tecnologia Cívica (ALTEC) - Projeto lançado este ano pela Omidyar Network, Fundação Avina e Avina Américas para apoiar o desenvolvimento e a promoção de plataformas de tecnologia cívicas inovadoras que estimulem o engajamento cívico, fortalecendo assim a democracia e ampliando a transparência e a prestação de contas públicas.
  • Liga Antidifamatória (ADL, na sigla em inglês para Anti-Defamation League) – fundada em 1913, a ADL é a principal organização mundial de combate ao antissemitismo por meio de programas e serviços que enfrentam o ódio, o preconceito e a intolerância. Com o apoio inicial da Omidyar Network, a ADL construirá uma central de comando de última geração no Vale do Silício, para combater a crescente ameaça da disseminação do ódio através da internet.
  • Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICJI, na sigla em inglês para International Consortium of Investigative Journalists) - Uma rede de mais de 190 jornalistas investigativos de mais de 65 países que colaboram para divulgar problemas globais como a criminalidade entre fronteiras, a corrupção e a irresponsabilidade no poder. No ano passado, o ICJI revelou os “Papéis do Panamá”, um acervo com 11,5 milhões de documentos internos vazados da empresa Mossack Fonseca que revelaram a constituição de empresas no exterior com ligações com fraudes, evasão fiscal e evasão de sanções internacionais.

O investimento anunciado faz parte dos mais de US$ 220 milhões que a Omidyar Network já dedicou, nesta década, à sua Iniciativa de Governança e Engajamento do Cidadão, com o objetivo de promover a transparência e a prestação de contas dos governos. 

 

BACK TO NEWSROOM
It looks like there's some information missing
By clicking, you agree to the Terms and Conditions

Article

Purpose-driven finance finds its place in India

In the recently released Impact investing: Purpose-driven finance finds its place in India, McKinsey & Company examines the increasingly robust impact

READ ON

Announcement

MissionU Welcomes Its First Class and an $8.5M Series A Round

MissionU, a one year intensive program providing students with practical skills for the professional world, today announced that it has raised $8.5 million in a Series A round.

READ ON

Announcement

South Africa Media Innovation Program (SAMIP) launched by Open Society Foundation of South Africa (OSF-SA), Omidyar Network and Media Development Investment Fund

The South Africa Media Innovation Program (SAMIP) will provide dedicated funding and capacity building support to independent media in the country.

READ ON